Início do cabeçalho do portal da UFERSA

Comunicação

CAADIS celebra dez anos de funcionamento

Eventos, Inclusão 8 de novembro de 2022. Visualizações: 261. Última modificação: 09/11/2022 09:09:18

Plantação de mudas fez parte da programação (foto: Assecom)

Em alusão ao seu décimo ano de atuação, a Coordenação Geral de Ações Afirmativas, Diversidade e Inclusão Social (CAADIS) promoveu uma atividade comemorativa na manhã da terça-feira, 8 de novembro. O setor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA) apresentou dados sobre suas ações e públicos assistidos nos anos de funcionamento.

No dia 31 de outubro de 2022, a CAADIS completou 10 anos de regulamentação na UFERSA. A coordenadora Fernanda Kallyne explicou a função da Coordenação na instituição. “A CAADIS foi criada estrategicamente para dar suporte às pessoas com deficiência. A ideia é que o setor possa não só fazer com que esses alunos sejam assistidos dentro das suas limitações, mas que possam finalizar seu ensino superior”.

Parte da programação aconteceu no auditório da Caadis (foto: Assecom)

A pedagoga Gilberliane Melo expôs o avanço em números de atendimentos da Coordenação. “Começando com o atendimento, a CAADIS iniciou atendendo apenas 12 alunos no ano de 2014. Hoje, temos um grupo de 126 pessoas atendidas”, disse.

“Hoje, olhando para esses 10 anos, que coincidem com os 10 anos da lei federal de cotas, podemos ver como isso é importante porque consolida o processo da universidade em ser um espaço mais acessível e inclusivo para as pessoas que mais precisam”, a professora Ady Canário, membro fundadora da CAADIS, adiciona em sua fala.

Participaram da programação o vice-reitor da UFERSA, Roberto Pordeus, representando a reitora Ludmilla Oliveira; o pró-reitor de extensão Paulo Gustavo; os ex-coordenadores da CAADIS, Ady Canário e Ebson Gomes; e a atual coordenadora do setor, Fernanda Kallyne. Todos compartilharam os seus pensamentos sobre a Coordenação e sua história, parabenizando os membros da equipe.

Seguindo a atividade, foram plantadas dez mudas de plantas naturais da Caatinga na lateral do edifício da CAADIS, dando o marco inicial para a construção do ambiente chamado Jardim Caadiano. O projeto almeja construir um jardim sensorial para o ambiente, utilizando a vegetação nativa da região para trabalhar os diferentes sentidos humanos.

A programação foi encerrada com uma reafirmação dos objetivos da CAADIS, fixando o compromisso com a acessibilidade do ensino superior. “A comemoração é um momento de mostrar que esse ciclo precisa estar vivo, para que mais pessoas, as minorias tenham de fato o acesso ao universo acadêmico. O ensino superior ainda é uma distância na vida de muitos brasileiros”, afirma Fernanda Kallyne.

 

O servidor Eurico Pedroza participou da programação (foto: Assecom)
Programação foi realizada na manhã desta terça, dia 08 (foto: Assecom)
Plantação de mudas fez parte da programação (foto: Assecom)
Participantes da solenidade que marcou os 10 anos de funcionamento da Caadis (foto: Assecom)
A coordenadora da Caadis, Fernanda Kallyne, fala aos presentes (foto: Assecom)
Parte da programação aconteceu no auditório da Caadis (foto: Assecom)