Início do cabeçalho do portal da UFERSA

Comunicação

MEC avalia demandas e INCRA reconhece trabalho da Ufersa

Gestão 23 de outubro de 2021. Visualizações: 286. Última modificação: 25/10/2021 09:17:57

Reitora Ludimilla tratou diretamente com o ministro da educação, Milton Ribeiro, assuntos acadêmicos e de planejamento orçamentário/Foto: Cedida

Uma agenda intensa marcou a semana da reitora Ludimilla Oliveira no Ministério da Educação. A professora tratou de assuntos acadêmicos e de planejamento orçamentário. Entre os assuntos abordados na área acadêmica estiveram o retorno das atividades presenciais, a ampliação da oferta da residência médica, a liberação de códigos de vagas para o curso de Direito para o Campus Pau dos Ferros e, a avaliação técnica para a implantação do Campus de Serra de São Bento.

Equipe da Ufersa com o ministro Milton Ribeiro/Foto: Cedida

Já com relação ao planejamento, a reitora despachou na Secretaria de Planejamento e Orçamento, onde tratou de questões relacionadas a investimento e a transparência das ações. “Recebemos do ministro Milton Ribeiro o apoio e o reconhecimento do trabalho que estamos realizando”, afirmou, acrescentando que a gestão também recebeu orientações para a condução de forma mais técnica as demandas da Universidade.

“A recomposição orçamentária para 2022 também foi discutida, principalmente, voltada para investimentos na área de tecnologia da informação”, adiantou a professora. Segundo a reitora Ludimilla Oliveira, são investimentos importantes que precisam ser realizados. Outra pauta relevante esteve relacionada ao curso de medicina, como a questão do reconhecimento do curso e a oferta de internatos e, a reivindicação de um hospital universitário. “Posso dizer que a nossa gestão também adotou a reitoria itinerante no MEC”, opinou a reitora.

Reitora debate no INCRA ações da Ufersa/Foto: Cedida

INCRA – O trabalho de regularização fundiária que vem sendo realizado pela Universidade Federal Rural do Semi-Árido no Rio Grande do Norte tem o reconhecimento do presidente do INCRA, Geraldo Melo Filho. Na última semana, em viagem a Brasília, a reitora da Ufersa, professora Ludimilla Oliveira, foi recebida pelo presidente do órgão. A reitora estava acompanhada do superintendente regional do INCRA, Marcelo Gurgel. O INCRA tem sede em Mossoró, com instalações na Ufersa.

Reitora da Ufersa é recebida pelo presidente do INCRA/Foto: Cedida

“O presidente Geraldo Melo reconhece o trabalho da nossa gestão que desenvolve ações propositivas voltadas para o meio rural, comprometida, principalmente, com o semiárido”, afirmou a reitora. Atualmente, a Universidade desenvolve trabalho de extensão voltado para a regularização fundiária no meio rural. Todo o trabalho tem o acompanhamento pelo INCRA.

Outro ponto da reunião foi à pista de pouso da Maisa, localizada na zona rural de Mossoró. A ideia é transferir o equipamento, que há mais de 20 anos se encontra desativado, para a Universidade. “O presidente ficou de avaliar esse repasse que será de grande importância para o desenvolvimento de ações de pesquisa e extensão, haja vista a natureza dos cursos oferecidos pela Ufersa. Receber o apoio do INCRA nacional é de muita importância para a nossa instituição”, afirmou.

 

%d blogueiros gostam disto: