Início do cabeçalho do portal da UFERSA

Comunicação

Equipe Cactus da Ufersa Mossoró é campeã da etapa regional de Baja, Caraubaja fica em 5º

Estudante, Extensão, Reconhecimento 23 de outubro de 2018. Visualizações: 2095. Última modificação: 23/10/2018 00:18:22

Comemoração da Equipe Cactus de Mossoró depois do 1º lugar geral na etapa Norte/Nordeste do Baja / Foto Felipe Cafrê

Caraubaja da Ufersa Caraúbas. A equipe conquistou o 5º lugar geral / foto cedida

Depois de um final de semana de disputa e de muita aventura em solo baiano, as equipes de Baja da Ufersa (Cactus Baja de Mossoró e Caraubaja de Caraúbas) voltaram pra casa nesta segunda com vários troféus e excelentes resultados na bagagem.

A equipe Cactus de Mossoró faturou 9 troféus na competição regional SAE Baja realizada em Salvador (BA). Entre os troféus, a equipe trouxe o mais cobiçado por todos os participantes: o de 1º LUGAR da competição. Segundo o capitão da equipe, Albeni Gurgel, os ótimos resultados são frutos do esforço e da determinação da equipe. “Quando você tem dedicação e esforço você consegue ir além do que você imagina”, destacou.

Além do 1º Lugar geral, a Cactus Baja de Mossoró, que é um Projeto financiado pela Pró-Reitoria de Extensão e Cultura, também conquistou o 1º Lugar em relatório de projeto e o 2º lugar em apresentação de projeto. Já nas provas dinâmicas, a equipe da Ufersa Mossoró ficou em 1º Lugar em velocidade, aceleração, suspention traction e em 3º lugar em tração. A Cactus ainda ganhou o título de carro mais confortável da competição. “No domingo na prova de enduro, a principal prova, conseguimos a melhor colocação ficando em primeiro lugar com 300 pontos, 100 pontos acima do segundo colocado”, comemorou o Capitão Gurgel. Ao todo, a competição reuniu 18 equipes do Norte/Nordeste.

O título conquistado no final de semana representa o bicampeonato da equipe Cactus Baja. “Já tínhamos sido campeões uma vez, já ficamos em segundo lugar e agora vem o bicampeonato para consagrar a Cactus Baja como uma grande equipe do Brasil”, comentou o professor Zoroastro.

Além do 1º Lugar geral, a Cactus Baja também conquistou o 1º Lugar em relatório de projeto e o 2º lugar em apresentação de projeto / Foto Felipe Cafrê

Nesta segunda, no retorno à Ufersa, a equipe foi recepcionada pelo Reitor, o professor José de Arimatea de Matos; pelo Vice-Reitor, o professor José Domingues Fontenele Neto; pelo Pró-Reitor Adjunto de Extensão, o professor Almir Mariano de Sousa. Também estavam presentes o Diretor do Centro de Engenharias, o professor Alan Martins; o Chefe do Departamento de Engenharia e Tecnologia, DET, o professor Manoel Quirino Júnior; e o Coordenador do Cactus Baja, o professor Zoroastro Torres Vilar.

Na ocasião, a equipe de Gestão da Ufersa e do Centro de Engenharia agradeceu o empenho e a determinação das duas equipes que levaram o nome da Ufersa para a competição. “Estamos orgulhosos de todos vocês que fizeram bonito e levaram o nome da nossa instituição para essa competição do Baja. Isso é resultado de trabalho em equipe e todos estão de parabéns”, destacou o Reitor.

Para o coordenador do Projeto, o professor Zoroastro Torres, o título trouxe mais que troféus para a equipe. O resultado abriu caminhos para novos horizontes. “A conquista não representa só um título, representa também portas abertas para levar o nome da Ufersa cada vez mais longe. Hoje o curso de Engenharia Mecânica é bem conhecido. Aonde nós chegamos, ele é atrelado a equipe Cactus Baja também. Além disso, a competição possibilitou iniciar uma abertura de portas entre algumas empresas e até mesmo algumas sondagens de alguns participantes para trabalhos e estágios”, destacou.

RECONHECIMENTO CARAUBAJA – Com menos de 2 anos de competição, a Equipe Caraubaja SAE começa a colher os frutos do trabalho e também leva o nome da Ufersa e de Caraúbas para todo o Brasil. A equipe conquistou o 5° lugar geral na Competição Regional da categoria. A Caraubaja é formada por 19 estudantes dos cursos de Engenharia Mecânica e Ciência e Tecnologia.

Além do título, a equipe conquistou o 2° lugar no suspension – prova na qual o carro passa por obstáculos radicais e em menor tempo; 3° lugar geral nas provas dinâmicas; 3° lugar no super prime; 4° lugar em manobrabilidade e 5° lugar em tração.

A equipe estreou na competição de 2018 o seu novo protótipo intitulado Severo. O capitão e piloto Bruno Cristian diz que a equipe saiu feliz com os resultados da competição, tendo obtido todas as metas alcançadas. “Agora é se preparar para a competição nacional que acontece em São José dos Campos, SP, em fevereiro de 2019”, finalizou.

Troféus conquistados pela Equipe Cactus / Foto Felipe Cafrê
Troféus da Equipe Caraubaja / Foto Cedida
Caraubaja na disputa / Foto cedida
Carro da equipe Cactus depois da prova / Foto cedida
Equipe Cactus da Ufersa Mossoró / Foto cedida
Momento de recepção aos campeões / Foto Felipe Cafrê