Início do cabeçalho do portal da UFERSA

Comunicação

Ufersa é contemplada com Emendas Consensuais de bancada do RN

Gestão 21 de outubro de 2016. Visualizações: 1232. Última modificação: 21/10/2016 14:02:08
Reitores do RN com a Senadora Fátima Bezerra / Foto cedida

Reitores do RN com a Senadora Fátima Bezerra / Foto cedida

O Reitor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, o professor José de Arimatea de Matos, conseguiu o apoio dos parlamentares federais do Estado na destinação de emendas para a instituição. O anúncio foi feito essa semana em Brasília após reunião da bancada com os Reitores José de Arimatea de Matos (Ufersa), Ângela Maria Paiva Cruz (UFRN), Pedro Fernandes Ribeiro Neto (UERN) e Wyllys Abel Farkat Tabosa (IFRN).

A pedido dos Reitores e da senadora Fátima Bezerra, a bancada federal do estado decidiu apresentar duas das quatro emendas consensuais, as quais tem direito, para instituições da área de educação. No encontro, ficou definido que as Emendas Consensuais serão direcionadas para a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e para a Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa). Os recursos serão incluídos na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2017. Essas são as chamadas emendas coletivas ou de bancada. Cada parlamentar tem direito ainda a uma emenda (escolhida por ele, mas incluída na cota da bancada). Ao todo são 15.

Reitores do RN e o Deputado Federal, Felipe Maia, coordenador da bancada potiguar / Foto cedida

Reitores do RN e o Deputado Federal, Felipe Maia, coordenador da bancada potiguar / Foto cedida

O Deputado Federal, Felipe Maia, que também é coordenador da bancada e que liderou o encontro dos parlamentares foi solícito em relação às demandas apresentadas pelos Reitores.

O Reitor da Ufersa, o professor José de Arimatea de Matos, considerou muito positiva a reunião dos gestores das universidades com a bancada federal do RN e também comemorou o fato da Ufersa ter sido contemplada com as emendas consensuais.

“É preciso reconhecer e agradecer o apoio dado pelos parlamentares do Rio Grande do Norte às demandas das instituições de ensino superior do Estado e principalmente à Ufersa. Aqui destaco que a nossa Universidade sempre teve um bom diálogo com todos os Deputados e Senadores com o objetivo de buscar recursos e apoios para o crescimento e o desenvolvimento da Ufersa no semiárido potiguar. Estamos confiantes”, comentou o Reitor da Ufersa, José de Arimatea de Matos.

Reitor da Ufersa, professor José de Arimatea de Matos durante reunião com a bancada em Brasília / Foto Vanessa d'Oliviêr

Reitor da Ufersa, professor José de Arimatea de Matos durante reunião com a bancada em Brasília / Foto Vanessa d’Oliviêr